Advertisements
//
you're reading...
Netherlands

Going to the Netherlands

In this post I will talk about what led me to leave Portugal and all I had to leave treated in Portugal in order to leave peacefully.

I worked for three years as Engineer Research and Development in Ovar a company until I was discharged with much surprise on my part, how many. I tried for 4/5 months to get a job in Portugal and got no answer and decided along with my partner trying to employment in Europe.

I sent hundreds of resumes for virtually for all European countries, using various sites including the EURES.

I got many negative responses mainly due to the language of the country but with any luck I got a hit here in Holland. After about one month I went to interview for my pocket (€ 200 outward / return flight Amsterdam-Barcelona-Puerto stay + € 30) two days before Christmas. I got a flight on which to connect in Barcelona would just have to wait about an hour. At the airport in Barcelona, ​​if you go by Ryanair you have to take a free bus to connect to another airport (low cost).

The Amsterdam airport is huge, I even have to ask directions to find the exit. Everyone speaks English so it’s easy. On leaving I saw some people running on a wheel to help people with cancer. They looked like a hamster. I got a free coach to let me in Ibis, all coaches have given the hotel and are free.

I went to a hotel and the next morning I returned to the airport to catch the train from Amsterdam to Apeldoorn (trains have free wifi), an hour and a half away where I would find the person that I would get to me bring to the company. Train tickets are relatively expensive for Portugal as any public transport, but more if off, Should you need a pass and if you’re on top you have lots of student discounts.

On his return to Portugal all flights delayed due to snow which was fortunate for me because I was late to catch the train and would miss the plane. Due to delay in time of 2/3 hours drive it took 13 hours. At least put beds in airports and free coffee in Amsterdam, in Barcelona everything was closed, or coffee or anything, I check in and stay five hours without eating or taking anything.

Was it worth it, after a few weeks I received a positive response, I was very happy but at the same time worrying about how it will be now, I have to make and handle like go there plus three dogs, some normal fears, do not let is do not connect to the fears and go.

For anyone who is thinking of leaving for the Netherlands there are things that have to deal with before you go:

– Go to the job center if you are receiving unemployment benefits;

– Go to finance and social security, and communicate the output of the country;

– Set aside at least 30 days before all contracted services (electricity, water, telephone, TV, etc.);

– Go with someone to the post office so that it can lift our correspondence;

– Contact with a transport company to take things for our country, in my case took all our personal property, excluding furniture, but we opted to take the washing machine and dishwasher and lower budget was € 750. I never received budgets of € 2000 for it and try various options. In my case it was cheaper but it took almost a month to get there, so it should bring us clothes for a month;

– If you have dogs or cats is necessary to ask for a passport for each of them a veterinarian, vaccination record is a European. If the choice is the parents in England have to ask the same for six months in advance, are accurate blood tests for example, Holland is not necessary, just the passport.

– If you think hard drive if you want to take it or not. If you have the car for more than six months member name can change for the Netherlands Dutch registration without paying anything. The insurance and road tax are much more expensive (I’ll talk next blog).

We decided to do a road trip to Holland, were direct and linger 24h to reach the destination. It is not very expensive but it is very tiring, there are tolls to leave Portugal than in Spain to the Netherlands.

On arrival we already had an apartment in a holiday park waiting for us and slept about 12 hours.

In the next post I will talk about things to deal with when it comes to the Netherlands, costs and links to aid, etc.. Ask any question I will try to respond as quickly as possible.

Advertisements

Discussion

58 thoughts on “Going to the Netherlands

  1. >adorei! muito bem organizada a info, fácil de lêr,muito completa a informação, está aqui tudo! espectacular, o que descreve é mesmo o que é preciso saber e é tal e qual assim*

    Posted by Joana | April 25, 2011, 23:17
  2. Sou de Braga e estou a residir na Holanda em Alkmaar e Gostei da humilde e verdadeira forma que voce fala da vida de um Portugues na Holanda e se um dia quiser conhecer Alkmaar eu estou disposto a oferecer alojamento e alimentacao na minha humilde casa.

    Posted by J. sousa | May 24, 2011, 20:29
  3. Sao bem vindos com muito gosto.

    Posted by J. sousa | May 26, 2011, 07:53
  4. a titulo informativo em amsterdam existe um clube de futebol gerido por portugueses e sendo na maioria os praticantes tambem portugueses expecialmente os jovens que aqui ja nasceram, e um complerxo desportivo com uma cantina com capacidade para cerca de 100 pessoas inclui um campo de sintetico e um relvado e 8 balnearios com lavandaria.
    actualmente tem 10 equipas[ 5 de futebol juvenil e 5 seniores] a disputar os mais variados campeonatos amadores .
    se tiverem interessados em matar saudades da lingua e de comes e bebes ou mesmo praticar desporto estaremos abertos a partir de setembro.
    http://www.fc-portugal.nl
    abraco, e boa sorte por a holanda.

    Posted by jose | July 4, 2011, 21:22
  5. Boa noite Sergio,em primeiro lugar quero felicitá-lo pelo seu blog, graças a ele, finalmente consegui tomar uma decisão…ir embora (outra vez )deste país lindo de sol, mas que verifico não haver lugar para todos! Já tive que partir uma vez para o luxemburgo para poder dar um curso superior ao meu filho coisa que não seria possivel cá(pq era divorciada).Levei a minha filha mais nova comigo, na altura ela tinha 9 anos e trabalhei que nem uma louca para lhe dar uma escola digna…consegui colocá-la na Escola Europeia a pagar fortunas, quase não dormia para pagar a faculdade do meu filho cá e a escola dela lá,mas consegui.qd o meu filho tirou engenharia e gestao industrial em 2007 resolvi voltar para portugal onde já th construido casa com o meu marido e pensei que seria fácil arranjar cá um trabalho…Mentira! Tenho 46 anos mas quando vou as entrevistas as pessoas dizem-me “sabe,não pode ser procuramos alguem mais jovem”…que é isto??Em que país vivemos ?com 46 anos somos velhos para trabalhar?!?Ninguem liga à experiência que temos, sou técnica de Segurança e Higiene do trabalho nível 4.Resolvi ir para a holanda,vi na TV uma entrevista a uma fabrica de mexilhão onde trabalham mts portugueses, não quero ir cm tecnica mas cm operaria fabril ou outra coisa que apareça essa fabrica fica em Zeeland é alguma coisa de jeito esse sítio ou conseguirei arranjar noutro sitio? por exemplo em apeldoorm conseguirei arranjar trabalho numa fabrica estive a ver as fotos e gostei muito…Tem mesmo que ser a minha filha tem que continuar os estudos e tenho que ajudá-la…desejo-lhe toda a sorte, vivo perto de Coimbra o meu FB, star ventura gomes se quiser adicionar-me.Muito obrigado!!
    Red star

    Posted by MCeleste Ventura Gomes | September 29, 2011, 00:26
    • Bom dia,

      acho que qualquer pessoa faz bem em sair do Pais neste momento e tentar procurar a sua sorte noutro lugar. Zeeland nunca lá fui, existe um site http://www.zeeland.nl/index?lng=en, onde pode obter informações do local, uma coisa tem de bom a praia, que em Apeldoorn não tem. Por aqui não existem assim muitas fabricas , eu próprio trabalho em Vaassen e trabalho para quem não sabe Dutch, que eu saiba só mesmo para os lados de Amesterdão. Por lá param muitos Portugueses. Se por acaso souber alguma coisa por estes lados digo-lhe. Os primeiros meses daqui estar forma difíceis mas depois compensa e muito. Desejo-lhe boa sorte e se precisar de alguma coisa relativamente a como as coisas funcionam aqui, publique aqui.

      Posted by sergiodanielcunha | September 29, 2011, 10:18
      • Bom dia
        Muito obrigado por todas as informações aqui mencionadas, vou continuar a seguir atentamente o seu blog, que é deveras fantástico para quem está a pensar sair daqui,
        se puder informar-me se existe abono para os filhos que estudam em Portugal e qt é o salário mínimo seria óptimo!
        Mais uma vez obrigado, desejo-lhe uma vida cheia de sucesso…
        Bem-haja, até sempre!
        Red Hair Star

        Posted by MCeleste Ventura Gomes | September 29, 2011, 12:11
      • Relativamente ao salário mínimo, o mesmo é de €1424 brutos, €947 líquidos . Relativamente ao abono não se sei dizer agora, vou tentar procurar e depois publico aqui. Mas cá os custos tb sao maiores, embora as despesas com luz, electricidade, gás e comida andem no mesmo, o que lhe posso garantir é que rende mais que a mesma quantia em Portugal. Boa sorte e Obg

        Posted by sergiodanielcunha | September 29, 2011, 12:33
    • boa tarde,
      Entendo o seu problema perfeitamente. Comigo é identico. Também tenho 46 anos e para trabalhar, por mais simples que seja, não servimos, só por olhar para o BI. Experiência e qualidade não são importantes. Também pretendo sair, para fazer qualquer coisa, fábrica ou não. Além do mais tenho muitas boas recordações da Holanda.
      Boa sorte para si e para todos nós.

      Posted by Maria Manuela | October 28, 2011, 15:07
  6. é mais ou menos como no luxemburgo, o abono sobre os meus descontos lá, permitiram que o meu filho fizesse faculdade cá, para que veja a minha pequenita tinha na altura 9 anos e recebia 268€ o mais velho recebia mais pq estava na faculdade.
    A minha filha com 17 anos ca, teve o ano passado 11 € de abono e este ano porque já estava a levar portugal à falência…tiraram-lho ahhaahhhaahhh isto até é ridículo!!! 11 €…não da nem para comprar meio livro, supostamente um abono será para ajudar os filhos…
    Obrigado

    Posted by MCeleste Ventura Gomes | September 29, 2011, 13:03
  7. Oi Sérgio,

    Para te dizer que gostei imenso do que aqui li, eu e o meu marido estamos numa situação de desemprego há já 5 meses e também estamos a ponderar pôr-nos a caminho da Holanda….Também chegamos a ver, há bem pouco tempo, essa reportagem da fabrica de mexilhão em Zeeland e como o meu marido é marinheiro-pescador pensamos que seria o ideal se emigrassemos!
    Em breve conversaremos mais pois sei que vamos necessitar da tua ajuda!!!

    Natacha Vieira

    Posted by Natacha Vieira | October 4, 2011, 11:19
    • Boa tarde,

      qualquer informação que necessitar eu ou a minha esposa tentaremos obtê-la para que mais facilmente consigam emigrar.

      Atentamente,

      Sérgio

      Posted by sergiodanielcunha | October 4, 2011, 12:22
      • Obrigada Sérgio!
        Eu e o meu marido já há muito pensamos em imigrar, mas tem sido difícil pois não conhecemos ninguém que já o tenha feito e nos possa orientar, mas depois de encontar o vosso blogue ficamos ainda com mais vontade de tentar!!!
        Gostaríamos muito que tu e a tua esposa nos pudessem orientar a dar os primeiros passos, até porque temos 2 filhas (5 e 8 anos) e mais uma que nasce agora este mês de Outubro….queríamos tomar esta decisão e pôr-nos a caminho da Holanda o quanto antes, no máximo no prazo de 1 ano já gostaríamos de estar a caminho……era o ideal por causa da escola das miúdas, para o ano por esta a altura a mais velha vai para o 5º, a segunda entra para a escola e a pequenita faz um ano, seria ideal mudarmo-nos nesta fase de transição.
        Se nos pudessem informar ácerca de coisas como: escolas, colégios, abonos, fábricas de peixe ou algo relacionado com o mar (uma vez que o meu marido é marinheiro-pescador tendo sempre trabalhado em vários países e em vários navios), etc, seria óptimo!
        Somos de Vila do Conde e eu sou licenciada em Direito (embora nunca tenha feito o estágio da Ordem) gostaría imenso de trabalhar com crianças, com algo ligado ao ensino, às escolas, ensinar português, sei lá, mas trabalhar como empregada fabril também seria óptimo na medida em que o nosso objectivo é proporcionar às nossas filhas um futuro melhor e já não preocuparmo-nos com a nossa realização profissional, por isso se souberem de algo, seja onde for, relacionado com o mar, fábrica ou mesmo navios etc., digam qq coisa……por favor.

        Obrigada mais uma vez, tudo de bom para voçês e até já!

        Posted by Natacha Vieira | October 6, 2011, 11:17
  8. Olá Sérgio,
    Encontrei o seu blog e achei deveras interessante o modo como descreve a Holanda e a sua experiência. Eu já estive aí em Roterdão, há uns anos atrás, mas para mim não funcionou pois é muito dificil sozinha e sem estar com os filhos (na altura só tinha uma filha).
    Agora tenho mais um pequenino, mas aqui em Portugal é muito complicado sobreviver. Estou desempregada e não consigo estabilidade suficiente para manter uma casa sozinha com 2 filhos. Estou desempregada, sem casa e sem nada e abrigada em casa de um casal amigo.
    Descrevo isto, não para terem pena de mim, mas porque gostaria de arranjar contactos para arranjar trabalho e recomeçar uma vida nova, noutro País, mas junto com os meus filhos porque sem eles não posso ir. Mas é complicado, eu sei. Só que como alguém já referiu, em Zeeland pode ser um recomeço, só que não consigo arranjar contacto da fábrica. O site só fala da área em si e do modo de vida e trabalho, mas não existem contactos. Se souber de algum contacto directo, eu agradeço ou alguém que leia que saiba dizer- me para eu poder contactar.
    Não falo Dutch, mas falo Inglês o que se torna mais fácil.
    Obrigado

    Posted by carmen | October 10, 2011, 01:29
  9. Boa noite sérgio,
    Obrigado pela resposta rápida!
    A reportagem foi dada pela rtp1 e a fábrica penso que é DJD, porque é o que diz nas fardas, mas também não aparece no link que me deixou.
    Mas valeu o link, obrigado.

    Posted by carmen | October 10, 2011, 22:30
  10. Boa Tarde
    Li com imenso interesse o seu blog. Na sequência de uma reportagem na televisão portuguesa tive conhecimento de uma fábrica de mexilhão que contrata portugueses e fiquei deveras interessado.
    Embora tenha habilitações académicas universitárias e tenha sempre exercido uma profissão compatível com as mesmas chegou o momento de dar uma viragem na minha vida em Portugal. Assim, gostaria de saber se tem conhecimento da melhor forma de contactar essa empresa ou outras do género.
    Grato pela atenção.

    Posted by Fernando Baptista | October 27, 2011, 14:10
    • Boa tarde,

      já me perguntaram isso por duas vezes, mas pensava que era de peixe e nao de mexilhão. Vou tentar encontrar a noticia da RTP, caso tenha o link envie-ma e tento saber alguma coisa, assim por alto encontrei esta http://www.rondleidingenyerseke.nl/, penso que tb é em Zeeland.

      Aatentamente,

      Sérgio Cunha

      Posted by sergiodanielcunha | October 27, 2011, 16:38
    • Boa tarde,

      encontrei o video e empresa , a empresa é esta http://www.aquamossel.nl/ . Vou tentar encontrar outras.

      Sérgio

      Posted by sergiodanielcunha | October 27, 2011, 16:45
      • Obrigado pela atenção.
        A opção por esta área profissional, decorre do facto de não ser necessário possuir grandes conhecimentos de holandês e dado que a empresa já tem algum histórico na contratação de portugueses.
        Naturalmente, que tentarei outras opções mais aliciantes uma vez que tenho exercido em Portugal funções de PA (adjunto de direcção /assessoria) e por dominar diversos idiomas.
        Fernando

        Posted by Fernando Baptista | October 28, 2011, 16:23
  11. Boas a todos, acabo de ler este blogue e nao posso deixar de responder a quem se referiu as fabricas de mexilha,a empresa djd é uma empresa de trabalho temporario que explora e de que maneira os Portugueses, coloca.os em varias fabricas ,desde mexilhao, cebola ,queijo, obras ,etc,etc, paga 5.50€ a hora ,mas desse dinheiro é retirado 10.00€ mes para o cacifro e cadeado da empresa (cada trabalhador é OBRIGADO a ter um para guardar a farda de trabalho,é retirado 100.00€ mensais para um seguro de saude (pessoalmente nem nunca vi papaeis do mesmo ,quanto mais assinar alguma coisa referente ao dito seguro),é retirado 50.000€ semanais para alojamento (ja que eles dao alojamento num “ex-hotel ” em Rilland.

    Não Garantem trabalho todos os dias nem tao pouco o minimo de horas por dias ,há casos imensos de colegas que já estão a mais de 4 semans parados sem trabalho,continuam com direito a alojamento e alimentaçao que será descontado no proximo ordenado da pessoa, disponibilizam tambem 50.00€ por semana de adiantamento ded ordenado 8mesmo que nao se tenha trabalhado a semana toda ,o mesmo é disponibilizado), ficando claro o trabalhador constaantemente com valores negativos perante a empresa, o que logo por si inviabiliza qualquer possibilidade de se ausentar da mesma. É imediatamente feito um contrato de trabalho (posso ceder uma copia do mesmo) a chegada a empresa ,mas isso implica de imediato que só apos 9 meses do termino do mesmo uma empresa Holandesa possa contratar esse trabalhador (isso sim vale a pena pois os salarios pagos são muito diferentes), atitulo de exemplo a nossa mao de obra é vendida pela djd a 18/23.00 € hora e nos recebemos 5.50€ e mais os descontos que serão feitos conforme atras descrevi.
    Não recomendo de forma alguma esta empresa. A Alimentação é pessima e pouquissima, posso aos interssados disponibilizar contactos da djd,site,moradas etc, posso indicar varios portugueses que corruboram o que aqui resumi, pois ha muito mais, poderei esclarecer qualquer duvida ou questão basta contactarem.me inicialmente pelo email aqui deixado ,posteriormente poderei ceder outras formas de contacto. Acrescento que a morada portuguesa de contacto da dita firma bem como a pessoa la mencionada (lugar de Benfica do Ribatejo), trata-se de um logro pois de tudo o que referem na pseuda entrevista a unica que é verdade sao: a assinatura do contrato mal la chegamos e o alojamento , tudo mais é MENTIRA.
    Acrescento que eu proprio estive ao serviço dessa firma, passei por tudo isso e muito mais, regressei a minha conta quando entendi porque financeiramente não estava dependente do meu ordenado la, caso contrario ainda hoje la estava a pagar pseudos dividas (que me eram impostas) sem poder regressar.

    Posted by Paulo | January 9, 2012, 17:09
    • Boa tarde
      Relativamente à DJD, enviei um e-email a pedir informações, a resposta veio de Portugal do contacto da firma. Mencionava um número de telefone com o nome da respectiva pessoa.
      Tenho tentado entrar em contacto com a respectiva pessoa, e até hoje nunca obtive resposta. Nem atendem, ou retribuiem a chamada. Estranhei, porque já passou um mês de contactos diários e emails, sem resposta.
      Assim sendo é melhor continuar a procurar.

      Posted by Manuela | January 10, 2012, 15:56
      • D. Manuela , a pessoa a que se refere esta na holanda so regressa a portugal dia 28 janeiro, mas honestamnente aconselho a que antes de proceder a esse contacto obtenha mais informações, garanto que nada do que dizem é …se quiser pode contactar-me por email, que lhe dou as diacas que para mim teriam sido preciosas se o tivessem feito, mas se pretender informaçao mais detalhada e documentaçao que nos exigem ser assinada etc ,ate por msn o poderei fazer,se for do seu interesse nao exite emm contactar-me.

        Melhores Cumprimentos

        Posted by Paulo | January 11, 2012, 12:05
      • Boa tarde
        Assim sendo agradeço que me dê todas as informações necessárias, para então decidir o que fazer.

        Obg.

        Posted by Manuela Cardoso | January 11, 2012, 15:56
    • Confirmo tudo o que foi descrito no comentário acima referido,e se necessario muito mais,apenas posso dizer ..escravatura psicologica,pois jogam com as pessoas.má comida ,má paga e exploradores. A s.dona Manuela e marido,os chulos maiores pois são os que iludem as pessoas ,claro que durante um periodo de tempo ganham uma percentagem do que deveria ser dado ao trabalhador

      Posted by jose vieira | May 14, 2013, 13:50
  12. deixei aqui resposta ontem D.Manuela ,mas pareçe que ainda nao foi aprovada!!!

    Posted by Paulo | January 12, 2012, 19:57
  13. ola Sergio boa noite,
    eu estou a pensar deixar o meu país que so dividas nos traz e rumar à Holanda. tenho contactado com uma menina atraves do fecebook que esta la a morar e da-me cada vez mais motivos para ir. mas tenho umas duvidas e se me pudesse esclarecer, nem que seja via email.
    Aquela empresa que cubrou 750euros pelo transporte das vossas coisinhas têm site? sera que me podem fornecer?
    outra questao: o ordenado minimo é os tais 1.400 e tal euros, e sao quase 500euros de descontos mensais?? tanto
    se for um casal e so um for trabalhar dá na mesma? se for so um tem direito a apoios com a renda casa e com o seguro?
    obg
    andreia

    Posted by andreia silva | January 23, 2012, 00:53
    • Bom dia,

      a empresa que eu usei é a Transportes Senhora da Agonia,Lda <mudatudo@gmail.com>. Trouxe imensas coisas inclusivé a maquina de lavar a loiÇa e roupa. Foi a mais económica que encontrei e tudo chegou impecável, só tenho uma queixa a pessoa com quem falei disse-me que chegaria em duas semanas e demorou cerca de um mês e meio porque só fazem o transporte quando o camião está cheio.

      O ordenado mínimo era em 2011 €1435 brutos com desconto de 33% para impostos ficam ai uns €960 limpos, esta é a tabela de descontos http://www.expatax.nl/tax_rates_2011.php.

      Sendo so um a trabalhar com o ordenado mínimo é mais difícil mas tudo depende das despesas. O seguro de saude é obrigatório e só ai sao €150 minimo pros dois, dá para receberem ajuda por isso sao capaz de pagar pra i uns €20 ou €30 mes apenas, o aluguer de apartamento depende da zona mas decentes apartir de €600 mes, com a ajuda de renda deve descer para uns 300-400 mes, mais a alimentaÇão , transportes , é complicado.

      Se for apenas um a trabalhar tem ainda mais direito a ajuda de renda e seguro porque o que conta é o agregado. Vá a este link http://www.toeslagen.nl/reken/toeslagen/ para fazer a simulação de renda e seguro para ver quanto é que recebe de ajuda. Use o Google Chrome e nao o internet explorer para que o mesmo lhe traduza a página, porque a mesma está em Dutch.

      Qualquer outra duvida disponha.

      Sérgio

      Posted by sergiodanielcunha | January 23, 2012, 09:10
  14. Boa noite senhor sergio em primeiro lugar parabens pelo blog esta fantastico, depois gostava de correguir uma situação pode ser neste link http://www.loonwijzer.nl/home/salarischeck/minimumlooncheck onde se pode ver que o salario minimo na holanda depende do numero de horas semanais que se trabalha e da idade tambem sendo que o ordenado minimo para alguem com mais de 23 anos é de € 1.446,60
    podendo tambem confirmar o valor com os descontos no mesmo site http://www.loonwijzer.nl/home/salarischeck/brutonetto da um falor de 1227,60 bastante mais que os 960 euros que diz no seu artigo. Peço desculpa por esta chamada de atençao mas penço que a informação presente neste tipo de blogs devera ser o mais correta possivel …

    comprimentos

    helena estrela

    Posted by helena estrela | January 23, 2012, 20:14
    • Boa noite,

      desde mais obrigado pelo seu comentário, desconheço esse site mas pelo que posso ver esse calculo envolve pensoes e seguros. Caso queira confirmar pode ir a este link e poderá confirmar o que escrevi. O que escrevi está com links oficiais das finanças. Neste site que posto aqui eu coloco o meu bruto e o resultado é certissimo. Garanto-lhe que o resultado de 1446 euros é 960 liquidos.

      Obrigado,

      Sérgio

      Posted by sergiodanielcunha | January 23, 2012, 22:26
      • obrigada pela resposta rapida… bem mandei um email para as finanças assim ja se fica com 100 % de certesa… porque neste momento estou com um recibo de um senhor que recebe o ordenado minimo e é esse o valor que esta aqui apresentado 1227 euros… eles custumam ser rapidos a responder vamos aguardar… e mais uma vez obrigada

        Posted by helena estrela | January 23, 2012, 22:29
      • Muito bom dia,

        é muito simples, se o mesmo efectuar os descontos cá para a segurança social o imposto total é de 33% que dá os 960 euros. De duas uma, ou não está a fazer descontos para a segurança social cá ou está a fazer os descontos para Portugal (é possivel se se mantiver a morada de Portugal e for dentro da UE) onde lá a taxa é mais baixa, porque segundo esta tabela esse senhor apenas está a pagar os 1.85% de imposto e não está a pagar os 31.15 % do Premium National Insurance (Segurança Social). Esta informação já me foi confirmada pelo meu contabilista. Espero que todas as duvidas tenham sido esclarecidas.

        Sérgio

        Posted by sergiodanielcunha | January 24, 2012, 08:39
  15. bem acho que o que é importante é deixar o alerta de que todos os que vem para a holanda se devem informar previamente de qual o valor liquido que vao receber, uma vez que pelo que eu sei muitas das propostas sao apresentadas com um valor a hora e nao mensal… de qualquer forma estou a aguardar a resposta das “finanças” assim ficamos com 100 % de certesas da situação… e ja agora se me premitir envie me o seu contacto para o meu email que eu envio-lhe o recibo que referi em cima… trata-se de um trabalhador holandes, empregado de uma empresa holandesa que nunca sequer pos os pes em portugal, e que por coincidencia se encontra de baixa medica a 2 meses e recebeu tudo a que tem direito ou seja os descontos estao a ser feitos…. de qualquer forma penso que a mensagem correcta quer da sua parte quer da minha esta a ser passada, que é INFORMAÇAO antes se se poderem a caminho…. obrigada por tudo e mais uma vez parabens pelo blog 🙂

    Posted by helena estrela | January 24, 2012, 11:13
  16. boa tarde e desde ja os meus parabens por este excelente blogue
    Eu tava e you, a penar emigrar para a holanda ou suiça, pensei na holanda , pois achei q a fabrica dos mexilhoes seria uma hipotese viavel e compensatoria, mas ja vi q é tudo treta, estarei certa????
    sera q me poderao ajudar???? dar pistas,etc
    muito obrigada
    paula franquiera

    Posted by paula franqueira | January 25, 2012, 17:54
    • Boa tarde,

      pelo que eu entendi por comentários anteriores o problema com essa fábrica era a empresa de trabalho temporário, geralmente é esse o problema, e infelizmente as piores são Portuguesas. Já tive uma experiência em que fui contactado por uma empresa de trabalho temporário que está situada na Av. da Boavista no Porto, para ir trabalhar para a BMW Inglaterra, ofereciam tudo, estadia, transporte, viagem, bons salários etc.

      Quando fui a essa empresa já com a entrevista efectuada via telefone com BMW Inglaterra, para assinar o contrato, pedi só uma horas para ler o contrato, e o que lá estava escrito em letras pequenas e de uma forma pouco clara era que teria de viver numa casa juntamente com inúmeras pessoas, teria de pagar renda, transportes, no fim do contrato teria de pagar a viagem de avião e ainda havia uma clausula que se davam ao direito de me recolocar noutra empresa qq, ainda me mandavam apanhar morangos. No final de contas ganhava para sobreviver, era escravatura, denunciei-os em Portugal e nada feito, denunciei-os ä BMW Alemão e UK e o anuncio foi retirado no dia seguinte.

      Infelizmente via pessoas simples a assinar contratos sem os lerem, muito cuidado com os contratos e as falinhas mansas de quem está a contratar, não confie em ninguém e leia sempre o contrato, se não perceberem peçam ajuda a alguém. Já trabalhei também com boas empresas de trabalho temporário, mas cuidado.

      Para mais informação relativamente a essa fábrica, O Sr. Paulo tens mais informação sobre o assunto, o email do mesmo é leao1966@gmail.com, poderá também contactar com a Associação Portuguesa de Zeeland que lhe dará mais informação.

      Qualquer duvida mais específica disponha,

      Sérgio

      Posted by sergiodanielcunha | January 26, 2012, 09:01
  17. Bom dia

    Agradeço os seus esforços em nos ajudar. Li o seu post sobre a oferta de empregos para a Bélgica, mas a maioria são para licenciados em engenharia, ou com formação nas áreas de ciências e tecnologias. Não havera alguma coisa em outras áreas??
    Desculpe a insistência, mas aqui está cada vez mais dificil.

    Obg.

    Posted by Manuela | May 4, 2012, 14:23
    • Bom tarde,

      a notícia realmente fala apenas de engenharia, mas esta empresa de recrutamento Belga VDAB está a recrutar para todo o tipo de funções.

      Eles já estão a construir o site em Português mas neste momento ainda não é possível visualizar, poderá ser visto em Inglês ou Espanhol.

      Se tiver notícias de outras ofertas publico imediatamente no Blog.

      Obrigado,

      Sérgio

      Posted by sergiodanielcunha | May 4, 2012, 14:44
  18. boas ,antes de mais nao posso deixar de o congratular pelo excelente blog que aqui tem, muita informaçao util a meu ver para quem tem a intençao de se mudar para a Holanda, tenho uma duvida relativa ao aluguer de casa ai , sim ainda estou em Portugal ,infelizmente, por pouco tempo espero eu, a minha duvida é a seguinte ,posso alugar casa mesmo que ainda nao tenha trabalho ?uma vez que pelo que eu ja me apercebi so podemos tratar do sofi-nummer depois de conseguirmos um contrato de trabalho,e para fazer um contrato de arrendamento teremos que ter um numero fiscal valido na Holanda,certo?

    obrigado

    Hélio

    Posted by Hélio | July 30, 2012, 19:48
    • Boa noite Sr. Hélio,

      eu quando cheguei cá fiquei 3 meses num parque de bungalows, tinha um kitchenette, um quarto e uma case de banho. Assim penso que não terás problemas, existem muitos parques na holanda. Quando aluguei a casa onde estou, tive de apresentar copia do contrato de trabalho e penso que só foi isso, a agencia só quer se assegurar que podemos pagar. Mas aqui alugar por uma agencia é bastante dispendioso, tem de se pagar uma mensalidade adiantada, outra mensalidade vai para a agencia de aluguer e outra para caso danifiques a casa, esta ultima devolvem te no fim caso esteja tudo ok. Aconselho-te que não venhas para cá sem trabalho porque não é assim tão facil arranjar, eles teimam muito com o teres que saber Dutch principalmente. Tens é a possibilidade de alugares um quarto ou talvez um pequeno apartamento mas convém ser através de particulares, mas não sei se precisas desses dados.

      Vê este site Kamernet.nl e tenta falar com as pessoas que alugam e pergunta-lhes as condições e negoceia. Uma coisa que cá me disseram é para dizeres que és Português, para não pensarem que és Turco porque eles não alugam a Turcos, um pouco racista mas cá é assim.

      Espero ter ajudado, se tiveres mais duvidas diz.

      Sérgio

      Posted by Sérgio (Admin) | July 30, 2012, 20:04
      • muito obrigado pela rapidez de resposta, quanto a nossa partida é mesmo ponto assente,estamos ambos desempregados, penso que nao referi, somos um casal, quanto á procura de trabalho nos estavamos a pensar em procurar algo na area da limpeza, em hoteis ou residencias qualquer coisa na zona de Den Haag,estivemos a pesquisar sites de emprego e ficamos com a ideia de que de inicio sera mais facil arranjar um part-time na limpeza ,encontra-se mais pedidos para trabalhos de 10h horas semanais de manha ou á noite, nao sei se esta minha ideia estara muito longe da realidade ou se sera realmente este tipo de trabalho mais facil de arranjar de inicio, estamos realmente com dificuldade é no aluguer de um apartamento ,embora estejamos desempregados penso que temos condiçoes para emigrar para ai e procurar um trabalho ,tambem nao vamos propriamente com uma mao a frente e outra atras,na pior das hipoteses temos condiçoes para nos mantermos 3 meses á procura de trabalho, na sua opiniao acha que chega para encontrar trabalho neste ramo,ou sera que este sector ja se encontra saturado.

        muito obrigado Sergio

        cumprimentos
        Helio

        Posted by Hélio | July 30, 2012, 23:33
      • Bom dia, acho q nesses ramos e a part time tem mais hipóteses de arranjar. Nao e fácil arranjar sítio para alugar, eu próprio tive de procurar bastante. Existe uma empresa muito grande em Den Haag que exporta flores e tem tb uma loja online, nao me lembro do nome mas n der ser difícil encontrar. O ano passado fui comer umas sardinhas a um local com Portugueses em Den Haag , uma mercearia chamada a pipa e lembro me que havia 2 pessoas lá portuguesas a trabalhar nessa empresa e uma já num cargo mais elevado, n sei lhe dizer quem é, mas contacte a empresa e tente arranjar para lá . Eles começaram no verão do ano passado e ainda la estão. Tenho um link de uma associação portuguesa em zeeland talvez eles possam ajudar c o aluguer. Se fosse a si tentava tb contactar a pipa, sempre são portugueses a viver em Den Haag. Um abraço e vou tentar saber de alugueres e se aparecer alguma coisa digo lhe.

        Posted by Sérgio (Admin) | July 31, 2012, 08:09
      • Boa tarde, Sr. Sergio
        muito agradecido pelas dicas realmente nao tinha ainda conhecimento dessa empresa de flores em Haia, vou tentar a nossa sorte junto deles quando la chegar,coincidencia das coincidencias as pessoas que tem essa mercearia em Haia sao conhecidos de uma amiga nossa que esta aqui em Portugal que tambem ja viveu e trabalhou ai durante muitos anos, ela vai connosco para nos ajudar a tratar das questoes legais de inicio e ela propria tambem esta a pensar em voltar para Holanda, isto nao esta nada bom por aqui , acredito que arranjar trabalho nao esteja facil em qualquer parte, mas por aqui começa a tornar-se nao dificil mas sim impossivel.

        obrigado

        Hélio

        Posted by Hélio | August 1, 2012, 14:14
      • Boa tarde

        O Sr. Hélio tem toda a razão, aqui está impossivel arranjar emprego, principalmente se a idade já não ajuda.
        Espero que realmente consiga o emprego, e já agora aproveito para lhe pedir que quando estiver lá, se souber de alguma vaga, agradecia.

        Muito obrigada
        Manuela

        Posted by Manuela Cardoso | August 16, 2012, 15:17
      • Sra Manuela pode ficar descansada assim que la estiver vou continuar a ver regularmente este blog e se souber de alguma coisa comunico por aqui, espero mesmo conseguir arranjar trabalho estou a depositar todas as minhas esperanças nisto e estou disposto a fazer o que estiver ao meu alcance para poder ter sucesso nesta nossa busca(a minha namorada tambem),esta para breve a nossa partida .

        cumps a todos
        Helio

        Posted by Hélio | August 16, 2012, 19:27
      • Bom dia, estive a pesquisar e a empresa de flores que falei é a J. Van vliet bloemenexport , http://www.jvanvliet.com . Lá trabalham os dois Portugueses q falei . Liguem para lá e perguntem se precisam de pessoas para as flores. Abraços e boa sorte.

        Posted by Sérgio (Admin) | July 31, 2012, 08:25
  19. Olá, boa noite!
    Chamo-me Hugo, já estive na Holanda, a residir em Den Helder, trabalhando perto de Lewufarden numa fábrica muito conceituada na Holanda “Hartmann” á qual fornece o muito conhecido Albert Heijn, para quem não sabe é uma cadeia de Hiper-Mercados Holandês, infelizmente as condições de alojamento não eram das melhores, e muito menos a remuneração. Isto porquê? A quando á minha ida, previamente um grande amigo meu deslocou-se á dita cidade, á qual por sorte, ou azar no futuro, apenas ficou quase uma semana, patrão esse Turco, o Ivo, destaca-o para Den Haag onde tinha trabalho garantido todos os dias úteis na jardinagem sob a chefia do verdadeiro patrão desta empresa de trabalho temporário “Together Diensten B.V.”. O que não acontecia comigo em Den Helder, ficando eu lá um mês.
    Esta situação ao chegar ao dia de pagamento, quase uma semana após o dia concordado, foi-me pago com menos dinheiro que o esperado, pois o meu intuito dizia-me que era a forma que esse Ivo tinha de aprisionar a mão de obra naquela casa em Den Helder Zuid, pois toda a gente fugiu de lá, ou devido á remuneração, mau ambiente criado por algumas pessoas, pessoas essas Dª Amélia ( Sopeira da casa ), ou Graça, o que criava muitas vezes desentendimentos que obrigava o Turco ( Chefe Kate ), vir de Den Haag a Den Helder para dissimular os acontecimentos e até mesmo usando formas inadequadas para tal, citando palavras ouvidas por mim pelos antigos que por vezes houve recorrência a violência física. Eu fui um dos que saiu de lá sem nada dizer, inventando uma dor de dentes para não trabalhar dias que nunca iria ver o dinheiro.
    Entretanto, esse meu amigo que vivia em Den Haag há 3 meses, partilhava casa com mais 4 pessoas, dois casais, um desses casais Portugueses, Miguel e Adriana de Ribeiro, que aparentemente segundo as palavras dele eram muito boas pessoas etc, cheguei a conhecer esse Miguel, e efectivamente demonstrava grande carácter.
    Esse casal Português acabara por nos arranjar um trabalho em Zwolle, numa localidade pequena na periferia dessa mesma cidade, á qual afirmaram que ambos lá trabalharam anteriormente. Trabalho esse que seria no sector dos bolbos, onde se trabalharia por 6 meses por 12h diárias incluindo o Sábado de manhã, o que perfazia no final do mês 2500€, fora os 100€ semanais de subsídio de alimentação. Tudo muito bem, pois eram da confiança desse meu amigo, e trabalhavam juntos e pelo que aparentava, umas novas amizades feitas. Acontece que recebo uma chamada dessa Adriana dizendo que precisariam de mais pessoas, e se sabia de alguém, mas que cada qual teria de efectuar um pagamento de 100€ cada para garantir lugar, porque muita gente tinha desistido. Eu achei estranho, mas, eu esse meu amigo, o tio desse meu amigo, um outro amigo nosso e um colega meu que esteve em Den Helder comigo, nenhum de nós pagou essa quantia. Daí a situação ainda ficar credível. Acontece que devido a essa credibilidade toda, eu para ajudar um amigo, paguei os 100€ por ele, oferecendo-lhe a oportunidade de vida. Chega-se hoje á conclusão, após a espera desse meu amigo num local combinado por essa Adriana que a mãe da mesma lhe entregaria o bilhete de avião, que ia antecipadamente para Zwolle, não apareceu, telemóveis desligados há 3 dias, tanto do Miguel ( +31657512232 ), como da Adriana ( +31657090254 ), até mesmo o endereço de e-mail ( adrianaderibeiro@gmail.com ), para onde mandei a documentação supostamente necessária dela deixou de existir, pois ao enviar, recebe-se um e-mail dizendo isso mesmo.
    Agora, tenho eu dois bilhetes comprados, para mim e este colega que quis ajudar, com um valor de 100€ com data de ida a dia 10 de Outubro, terei que aproveitar a boa amizade que fiz em Amesterdão que me oferece guarida, e procurar algo por lá esperando alguma sorte dentro desta trapalhada toda.
    Deixo este grande testamento, porque é um exemplo que achei por bem passar a todos vós, de forma a que a sorte seja mais risonha a quem leia. Detalhadamente ficou, pois nunca se sabe o dia de amanhã, porque hoje fui eu, amanhã pode ser você que está a ler de momento, certo?
    E para terminar, gostaria de deixar aqui a questão, de quem é que me pode ajudar em encontrar trabalho, ou alguém que possam conhecer de confiança que saiba de algo, esse algo, terá que ser mão de obra não qualificada, e com fluência em Inglês.

    Obrigado pelo vosso espaço.

    Hugo Cruz

    Posted by Zy | September 19, 2012, 05:54
    • Bom dia Sr. Hugo.

      Muito obrigado pelo seu testemunho. Infelizmente existem pessoas que se aproveitam d necessidade dos outros. O que mais me revolta é ver Portugueses a fazer isso a Portugueses . É preciso ter muito cuidado e quando pedirem dinheiro seja pro que for desconfiem pq geralmente trata se de um esquema . O mesmo aconteceu no Porto onde pessoas ficaram na estacão a espera de um transporte para os traZer para a Holanda q nunca apareceu. E nesse caso o empregador era um Português a residir na Holanda. Denunciem sempre q surgir estas situações.

      Mais uma vez obrigado Sr. Hugo,

      Atentamente ,

      Sérgio

      Posted by Sérgio (Admin) | September 19, 2012, 08:02
  20. Olá, nasci na Holanda em Den Haag, mas vim pequena para Portugal, neste momento , eu, o meu marido e a minha filha queremos ir para a Holanda. Mas, devido a despesas certas que temos por cá, como o facto de os mus pais estarem num Lar de idosos, ele só pode sair de Portugal já com trabalho garantido e eu quando ai chegar arranjo. Agradecia muito se me pudessem ajudar, pois neste momento já não sei o que fazer. Gostavamos de sair daqui, o mais rapidamente que fosse possível. Obrigado

    Posted by Maria Jacinta Pereira Firme | September 21, 2012, 17:01
  21. DJD em rilland,uma corja de ladrões,saí de lá á 3 meses devido a ser despedido por ter ficado doente e como não me levaram ao medico, nao podia trabalhar,fui ao medico pelos meus proprios meios ,isto é com a ajuda de pessoa amiga,coisa não permitida pela empresa sendo por isso despedido,ainda estou á espera do documento para o fundo de desemprego,resumindo são uma empres de exploração de pessoas os patrões holandeses mas as pessoas s-ao recrutadas por um casal de portugueses de Benfica do ribatejo, que uns vigaristas para os seus conterãneos
    jose vieira

    Posted by jose vieira | May 14, 2013, 13:33

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

Advertisements

Follow this blog

Join 65 other followers

Living in the USA

Expat in the USA

Buy cruelty free

I´m an activist so i really like this blog.

Charity Things

Follow me on Twitter

%d bloggers like this: